Η πατρίδα μου

24/04/2009

Εγώ κρατάω τον έρωτα μα εσύ την καταιγίδα
Eu trago nas mãos o amor mas você, a tempestade
και πνίγεις μες στο ψέμα σου την ακριβή μου ελπίδα
e afogas nas suas mentiras a minha mais cara esperança
εγώ κρατάω τον έρωτα μα εσύ κρατάς μαχαίρι
eu trago nas mãos o amor, mas você traz uma faca
που κάρφωσες στην πλάτη μου με το ίδιο σου το χέρι
que me cravou nas costas com as suas próprias mãos
μέρα μεσημέρι
durante o dia

Είσαι ο ήλιος που έχει γίνει επικίνδυνος
Você é o sol que se tornou perigoso
και κάθε μέρα καίει την επιδερμίδα μου
e todos os dias queima a minha pele
απ’τους πολλούς πολιτικούς κι εσύ είσαι ένας απο αυτούς
dos muitos políticos, você tambem é um deles
που ξεπουλάνε μ’ευκολία την πατρίδα μου
que vendem com tanta facilidade a minha pátria

Εγώ σου λέω τα όνειρα που κρύβω μες στα στήθια
Eu te conto os sonhos que trago no peito
μα εσύ μου λες κατάμουτρα την πιο πικρή σου αλήθεια
e você me diz na minha cara a sua mais amarga verdade
ζωγραφισμένος είναι πια στα μάτια μου ο πόνος
desenhada nos meus olhos já esta a dor
κοιτώ πως μας κατάντησε στο πέρασμά του ο χρόνος
olho onde nos levou a passagem do tempo
και με πιάνει τρόμος
e me toma o terror

* Obrigado à Alda pela tradução.
Ouça esta música no YouTube
Letra: Φοίβος
Música: Φοίβος
Primeira execução: Αντώνης Βαρδής & Καίτη Γαρμπή

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: